Resumo da 49ª sessão: Vereadores chamam a atenção sobre a responsabilidade de ser oposição

por Catiane — publicado 18/09/2018 22h50, última modificação 08/11/2018 14h00
Temas como a situação da Feira, aeroporto da cidade, doações de terrenos e lavanderia pública são levados à tribuna.
Resumo da 49ª sessão: Vereadores chamam a atenção sobre a responsabilidade de ser oposição

Fotos Vladimir Barreto

Durante 49ª reunião ordinária ocorrida na terça (18),  membros do Poder Legislativo de Caruaru além de  analisar e aprovar os 19 requerimentos da ordem do dia - que podem ser consultados a partir do link: http://sapl.caruaru.pe.leg.br/sessao/pauta-sessao/194 – também levaram à tribuna prestações de contas do mandato, posicionamento político e questões que têm sido foco de discussão pública na mídia local: como a interdição do aeroporto Oscar Laranjeiras pela Anac -  Agência Nacional de Aviação.

 

Atendimento de solicitações da Casa ao Poder Executivo

Os vereadores Bruno Lambreta e Fagner Fernandes elogiam disponibilidade de secretários do município para resolver as demandas da população levadas às autoridades responsáveis, através desta casa.

Bruno relata com satisfação que a lavanderia pública do Bairro Centenário está com as obras de infraestrutura à todo vapor. Também comunica que o atendimento das solicitações para a melhoria das condições de trabalho das lavadeiras englobaram projetos de capacitação, viabilizados por intermédio da Secretaria de Políticas para Mulheres do Município.

Fagner também afirmou que fez uma grande caminhada com o secretário de serviços públicos, Bruno França, no Bairro do Salgado e já no dia seguinte teve as solicitações atendidas, como a solução do problema da travessa, substituição das lâmpadas e calçamentos.

 

Compromisso com Caruaru: oposição com responsabilidade

Leonardo Chaves, Marcelo Gomes e Alberes Lopes reforçam em discurso que a obrigação primeira dos parlamentares é com a cidade de Caruaru. Soldados partidários, mas antes comprometidos com as ações que possam beneficiar a população.

Leonardo lembra que já deixou de atender solicitação do partido, no passado, para votar contra liberação do terreno que hoje é sede do Sesc, somente para fazer oposição a prefeito na época. Por entender que essa atitude prejudicaria o município, impedindo que ações do sistema pudessem chegar com maior eficiência a quem precisa, ele se recusou votar com a sua bancada e deu o voto de minerva que ajudou a implantar o Sesc em Caruaru.

Vereadores afirmam orgulharem-se da atual legislatura pelo papel responsável e dedicado que todos vêm desempenhando, independentemente de pertencerem a oposição ou situação.

 

Aeroporto Oscar Laranjeira:

O vereador Alberes Lopes criticou o Poder Executivo e atribui a situação do Aeroporto Oscar Laranjeira à ingerência da prefeitura. Afirmou não entender como pode um instrumento que, segundo informações levantadas por ele, opera cerca de 500 voos/mês, e que inclusive é objeto de interesse da investidores privados, ser classificado como despesa sem retorno por essa gestão. "Se uma empresa privada quer pagar para administrar o aeroporto, é porque dá lucro", conclui Alberes. 

A  presença de animais na pista e a falta de funcionários para fiscalizar essa situação fez com que a Anac interditasse o local. Alberes solicitou uma resposta do Poder Executivo e pediu para que a prefeita Raquel Lyra intervenha e recoloque a Destra para administrar o aeroporto novamente.


Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.