Secretária de Saúde faz prestação de contas em audiência na Câmara

por Victor Vargas — publicado 27/09/2014 00h00, última modificação 14/03/2017 10h08
Na manhã da última sexta-feira (26), a Câmara Municipal de Saúde sediou mais uma audiência pública...

Na manhã da última sexta-feira (26), a Câmara Municipal de Saúde sediou mais uma audiência pública. Dessa vez, foi a Secretaria Municipal de Saúde, que solicitou o espaço  para fazer mais uma prestação de contas do que foi realizado pela pasta, agora no último quadrimestre.Participaram da audiência, além da secretária Aparecida Souza, o procurador do Município, João Alfredo, o vereador Gilberto de Dora (1º secretário da Câmara), que conduziu os trabalhos, o diretor financeiro da Saúde, Alvimar Neves, e a conselheira de Saúde, a freira Maria do Carmo.

De acordo com a secretária Aparecida Souza, este ano a prefeitura já investiu 42 milhões de reais. “Isso representa 23,87% da receita arrecadada pelo Município”, destacou a secretaria, que frisou ainda que o município, segundo determina a Constituição, precisa investir, no mínimo, 15% de sua receita. Na audiência, a secretaria mostrou também o número de atendimentos realizados no período: a Rede da Atenção Básica realizou 73.428 consultas médicas; a chamada Atenção Especializada, com os prestadores de serviços, atendeu 96.057 pessoas, e o Programa Melhor em Casa, em que o paciente é acompanhado em sua própria residência, beneficiou 9.955 pessoas.

A secretaria destacou ainda a atuação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – o SAMU. Entre os meses de maio e agosto, o serviço recebeu quase 20 mil ligações, mas a maior parte de trotes. “Infelizmente, ainda temos pessoas que atrapalham o serviço e acaba prejudicando o trabalho. Mas, mesmo assim, o SAMU socorreu 9.955 pessoas”, disse a  secretária de Saúde.

Casa de Saúde – Na audiência, a secretaria destacou também os partos realizados na Casa de Saúde Bom Jesus, responsável “por 71% do total de procedimentos efetuados em Caruaru”. A Estratégia de Saúde da Família acompanhou neste segundo quadrimestre 9.794 gestantes, 13.847 puérperas, 90.740 diabéticos e 90.740 hipertensos, ressaltou a secretaria.

“O fortalecimento da Atenção Básica é uma prioridade do governo José Queiroz. Sabemos que, se as equipes de Saúde da Família recebem o devido destaque, temos 80% dos problemas de saúde resolvidos nessas unidades básicas, que ficam próximas das casas das pessoas, evitando, dessa forma, complicações.”, destacou Aparecida.

Guanabara Comunicação/AscomCâmara, com informações de Jorge Luiz/AI Secretaria Municipal de Saúde

Foto: Vladimir Barreto/AscomCâmara

registrado em:
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.