Professores ganham “Dia de Luta” e Mototaxistas aguardam confirmação

por Victor Vargas — publicado 02/09/2013 00h00, última modificação 30/03/2017 12h39
A Reunião Pública Ordinária da quinta-feira (29) foi movimentada pelo adiamento...

A Reunião Pública Ordinária da quinta-feira (29) foi movimentada pelo adiamento das duas discussões e votações da Lei de Diretrizes Orçamentárias – LDO, segunda  discussão e votação do Projeto de Lei nº 6.541/2013 – de autoria do vereador Jajá (PPS) – com emenda modificativa da Comissão de Legislação e Redação de Leis  – instituindo o Dia Municipal de Luta Pela Educação e a 1ª discussão do  Projeto de Lei nº 6.530/2013 – de autoria do vereador Edjailson da Caru Forró (PTdoB) – com emenda supressiva da Comissão de Legislação e Redação de Leis –  instituindo o Dia Municipal do Mototaxista. Os demais tópicos da Ordem do Dia foram aprovadas com discussões e votações unânimes.

“Dia de Luta”

Aprovado – por dez votos a nove – com abstenções e voto minerva não usado – o Projeto de Lei nº 6.541/2013 – de autoria do vereador Jajá (PPS) instituindo a data de 31 de janeiro como “Dia Municipal de Luta Pela Educação” foi a matéria polêmica com discussões políticas e sugestões de troca de datas com foco no episódio da votação do PCC dos professores no 31 de janeiro de 2013. “A instituição da data para os professores é o reconhecimento da Câmara Municipal de Caruaru à importância da categoria e incentivo à mobilização e luta pela melhoria da educação pública”, comentou o vereador Jajá, após a votação do Projeto de Lei.

Mototáxi 

O Projeto de Lei que institui o “Dia Municipal do Mototaxista” foi retirado momentos antes do início da reunião pública pelo autor vereador Edjailson da Caru Forró em função da solicitação do Sindmoto – sindicato que reúne os motoboys, motofretes e mototaxistas de Caruaru – que apresentou 600 assinaturas solicitando a instituição da data no dia 11 de agosto – data de fundação do sindicato. “A data proposta era 28 de dezembro – data da entrega das placas aos mototaxistas. Com a solicitação do Sindmoto resolvemos trocar a data e o Projeto de Lei nº 6.530/2013 será reapresentado para primeira discussão na reunião pública da próxima terça-feira (3)”, garantiu o vereador Edjailson da Caru Forró.

Guanabara Comunicação/AscomCâmara

registrado em:
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.