Médicos pedem novos exames e cirurgia de Jajá é adiada

por Victor Vargas — publicado 11/09/2013 00h00, última modificação 30/03/2017 12h41
Estava prevista para acontecer nesta terça-feira (10) a cirurgia do vereador Jajá (PPS) que...

Estava prevista para acontecer nesta terça-feira (10) a cirurgia do vereador Jajá (PPS) que, na semana passada, havia se queixado de fortes dores. O médico solicitou novos exames, e o procedimento teve que ser adiado. A expectativa é que ele possa ser realizado em duas prováveis datas: na sexta-feira (13) ou na terça-feira (17).

De acordo com o parlamentar, já foram realizados exames como eletrocardiograma (que permite avaliar a atividade cardíaca), e alguns exames específicos de sangue. “Nesta quarta-feira (11) irei voltar ao Recife, onde farei três exames: duas ultrassonografias e uma endoscopia”, detalha.

O vereador explica que há alguns anos queixa-se de dores causadas por uma hérnia. “O objetivo dessa cirurgia é colocar uma tela de proteção no meu estômago”, complementa o vereador, que preferiu não se ausentar dos debates do Poder Legislativo, e compareceu à reunião na Câmara Municipal de Caruaru, na noite desta terça-feira.

ALFINETADAS

Durante o discurso na Câmara de Vereadores, Jajá destacou o escândalo envolvendo o empresário Luiz Otávio Gomes Vieira da Silva, que está entre os presos na Operação Esopo, deflagrada pela Polícia Federal (PF) na segunda-feira (9). Luiz Otávio está sendo investigado no esquema que desviava recursos públicos a partir de fraudes em processos licitatórios. Durante o terceiro mandato do prefeito José Queiroz, a empresa dele foi responsável pelo projeto e captação de recursos do São João de Caruaru.

Diogenes Barbosa/AI vereador Jajá

registrado em:
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.