Audiência debate atendimento a usuários de bancos em Caruaru

por Victor Vargas — publicado 01/06/2015 00h00, última modificação 13/03/2017 08h16
Na próxima quarta-feira (03), às 9h da manhã, a Câmara Municipal de Caruaru vai realizar uma audiência pública...

Na próxima quarta-feira (03), às 9h da manhã, a Câmara Municipal de Caruaru vai realizar uma audiência pública sobre a Lei Municipal nº 4.434/2005, que regulamenta o tempo de espera dos usuários em filas de instituições financeiras, bancos públicos e privados. A audiência foi solicitada pelo vereador Gilberto de Dora (PSB), autor da lei e do movimento parlamentar pelo respeito ao usuário de bancos.

Com recursos próprios, o vereador produziu e distribuiu 20 mil panfletos com a campanha “Conheça seus direitos”, para divulgar o tempo máximo de espera dos clientes em postos bancários e instituições financeiras. “A lei estabelece que todos sejam atendidos em tempos razoáveis de 15 a 30 minutos máximos, mas os bancos não respeitam isso. Minha última experiência em uma agência bancária aqui em Caruaru foi aterrorizante, passei duas horas exatas esperando para realizar um serviço, o que é totalmente absurdo”, declarou Gilberto de Dora, que exorta a população a fazer a denúncia ao Procon.

Protesto e interdição – No mês passado, De Dora, junto os colegas Carlinhos da Ceaca (PPS), Rodrigues da Ceaca (PRTB), Rosimery da Apodec (DEM) e Duda do Vassoural (DEM), fez um protesto na frente de uma agência do Banco do Brasil contra o mau atendimento prestado pelo banco aos clientes.

Logo em seguida, o Procon Caruaru interditou, por 48 horas, uma agência do Banco Itaú, também no centro da cidade, que já havia sido visitada pelos vereadores e reportada ao órgão como “descumpridora da lei”.

Gabriela Kopinits – Guanabara Comunicação/AscomCâmara
Foto: Victor Vargas/AscomCâmara
registrado em:
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.